quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Ibaretama aumenta menos de trezentos habitantes nos últimos sete anos, aponta estimativa do IBGE

A População estimada para o município de Ibaretama, sertão central cearense, em 2017 chega a menos de 14 mil habitantes. Mais precisamente, resulta em 13.218 mil habitantes, duzentos e noventa e seis (296) ibaretamenses a mais em relação ao ano de 2010, segundo IBGE.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgou as estimativas populacionais dos municípios. Ibaretama saiu de 12.922 em 2010 para 13.218 em 2017.Quixadá, o maior da região, saltou de 80.604 habitantes em 2010, para 86.605 em 2017, 6.001 a mais.

Quixeramobim se mantem em segundo lugar, porém, foi o que mais cresceu na região. Em 2010 tinha 71.887 habitantes. Agora tem 78.658, precisamente 6.771 a mais. Senador Pompeu foi o único da região a registrar perda de habitantes. Comparando-se a população de 2010 e 2017 do município, são 22 habitantes a menos.

Ranking populacional de alguns municípios da região:
ü  Ibaretama: 13.218 em 2017, em 2010 era 12.922 ( 296 habitantes a mais)
    Ibicuitinga: 12.350 em 2017, em 2010 era 11.335 ( 1. 015 habitantes a mais) 
ü  Choró: 13.384 em 2017, em 2010 era 12.853 (531 habitantes a mais)
ü  Banabuiú: 18.027 em 2017, em 2010 era 17.315 (712 habitantes a mais)
    Madalena: 19.800 em 2017, em 2010 era 18.088 (1.712 habitantes a mais)
ü  Boa Viagem: 54.049 em 2017, em 2010 era 52.498 (1.551 habitantes a mais)
ü  Senador Pompeu: 26.447 em 2017, em 2010 era 26.469  (22 habitantes a menos)
ü  Solonópole: 18.158 em 2017, em 2010 era 17.665 (493 habitantes a mais)
ü  Milhã: 13.136 em 2017, em 2010 era 13.086 (50 habitantes a mais)
ü  Pedra Branca: 42.841 em 2017, em 2010 era 41.890 (951 habitantes a mais)
ü  Itatira: 20.675 em 2017, em 2010 era 18.894 (1.781 habitantes a mais)

Ranking das cinco cidades mais populosas do Estado:
1º Fortaleza com 2.452.185
2º Caucaia com 325.441
3º Juazeiro do Norte com 249.939
4º Maracanaú com 209.057

5º Sobral com 188.233