domingo, 12 de julho de 2015

MUSEU TERTULIANO DE MELO NA SERRA AZUL EM DESTAQUE

MUSEU no SERTÃO > Professor tenta preservar história de sua terra

11742720 1466811243635011 3516188106589603131 nO professor, Tertuliano de Melo Neto, com o ideal de preservar a história de sua terra, cria no meio do sertão  central cearense um museu, ao pé da Serra Azul, zona rural deste município, com acervo colhido ao longo de 40 anos, sem apoio público tenta oficializar o Museu Tertuliano de Melo o primeiro museu no meio do sertão.
11209461 1465585953757540 4290905572176840086 n

O Professor quando ainda jovem começou a colecionar objetos antigos dos parentes, o interesse foi a cada dia aumentando, 40 anos depois resolve fundar um museu no meio do Sertão Central do Ceará, procurou os gestores municipais para ajuda-lo, recebeu um não! Tomou a iniciativa pois aquele acervo histórico, que tinha não podia deixar de apresentar a comunidade da Serra Azul, com recursos do seu bolso fundou o Museu Tertuliano de Melo em uma zona Rural!

A burocracia emperra o funcionamento do Museu para receber os alunos da região. O museu funciona na casa da família, o avô do professor, é homenageado pelo neto dando nome ao museu na casa onde residiu e construiu o acervo hoje sendo preparado para o conhecimento de estudantes, universitários além de curiosos que gostam de conhecer as histórias do Nordeste.

Museu Tertuliano de Melo11249162 1439023166413819 1094912698739472375 n16982 1460865210896281 6904224316344771446 n






11244721 1439241259725343 6039410333324740479 n copy11188225 1460439147605554 6781374957791790768 n11665685 1460864980896304 7729722051913028302 n












O principal objetivo do museu é desenvolver projetos: culturais, sociais e ambientais, e tentar amenizar as dificuldades desse povo tão sofrido, e um futuro melhor para as crianças e jovens deste sertão castigado pela estiagem.

Universidade Estadual do Ceará-UECE através da Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central - FECLESC, firma Convênio de Cooperação Técnico-Científico e Cultural.      


Matéria de Cleumio Pinto do sertaoalerta.com.br/(com pequenas adaptações);