terça-feira, 23 de julho de 2013

Em Ibaretama: Prefeita Elíria Queiroz participa do VII CIR e município recebe a presença de dez secretários de saúde


Em sua fala, a prefeita ressaltou as dificuldades encontradas no semestre inicial de gestão. Esse não é um privilégio só de Ibaretama, a maioria de nós estamos enfrentando os mesmos problemas, pois pegamos municípios sucateados, em estado de calamidade, situação vexatória, e estamos pagando uma dívida que não é nossa. 

Ibaretama transformou-se por todo o dia de hoje, terça-feira 23, na capital do sertão central, em matéria de discussão e busca de soluções para a melhoria na qualidade da saúde dos moradores da região, realizando a VII CIR - Reunião da Comissão Intergestores Regional.

100% de presença dos secretários municipais de saúde da 8ª CRES (Coordenadoria Regional da Saúde) marcou o sucesso do evento e a credibilidade da coordenação regional da saúde.

Em pauta, dentre outros pontos estavam: destino dos medicamentos vencidos; resultado do monitoramento do controle de tuberculose nos 10 municípios; cobertura vacinais na 8ª Região de Saúde de Quixadá e monitoramento da qualidade da água nos municípios da Região de Saúde de Quixadá;

A prefeita anfitriã do encontro, a socióloga Elíria Maria Freitas de Queiroz, recepcionou os visitantes e os acompanhou durante o período da manha, quando se fez presente as discussões e problemáticas apresentadas bem como nas possíveis resolutividades. 

A presidente da câmara de vereadores de Ibaretama, que também é profissional da saúde ( Tereza Carla, a Carlinha do hospital como é popularmente conhecida) também se fez presente a VII CRI (Comissão Intergestores Regional). É sempre um prazer recebê-los e a "casa" sempre estará de portas abertas, disse a vereadora recepcionando a todos.

Em sua fala, a prefeita ressaltou as dificuldades encontradas no semestre inicial de gestão. Esse não é um privilégio só de Ibaretama, a maioria de nós estamos enfrentando os mesmos problemas, pois pegamos municípios sucateados, em estado de calamidade, situação vexatória, e estamos pagando uma dívida que não é nossa. Afirma a prefeita de Ibaretama. Mas juntos, com o apoio coletivo venceremos essa batalha, concluiu a gestora.

Além dos secretários municipais de saúde, estiveram presentes demais profissionais da saúde do sertão central, alguns da capital, Fortaleza, bem como técnicos da 8ª CRES sob a coordenação de Drª Bendita de Oliveira que conduziu os trabalhos por todo o decorrer do dia. 

A saúde do sertão central estave bem representada pelos secretários: Sâmia Cristina S. Oliveira - Banabuiú;
Francisco Sidney C. de Sousa - Choró; Rivia Ellen Soares da Silva - Ibaretama; Francisco Ricardo Pinheiro - Ibicuitinga; Ana Paula A. Vieira - Pedra Branca; Adriana Carla Lopes - Milhã; Lívia Mara Bezerra -  Quixadá;
Ana Amélia Leitão Farias - Quixeramobim; Mabelli Maria B. de Oliveira - Senador Pompeu; Lúcia Cavalcante Gonçalves - Solonópoles

A Coordenadora da 8ª CRES, a Drª Benedita de Oliveira também agradeceu a prefeita de Ibaretama Elíria Queiroz pela receptividade, parabenizou e enalteceu a preocupação da gestora para com os índices e metas na saúde local, bem como na melhoria significativa na saúde do cidadão de Ibaretama. 


A secretária da saúde de Ibaretama, Rivia Ellen finalizou agradecendo a presença dos demais colegas, do corpo técnico estadual, dos profissionais locais e da prefeita Elíria Queiroz. Foi um encontro bastante proveitoso, e de grande importância para o bem estar do cidadão do sertão central, juntos venceremos as dificuldades encontradas nesse primeiro semestre, e poderemos ofertar um serviço cada vez melhor para todos. Afirma Rivia Ellen.


 Por Georzito Ferreira Inácio;