segunda-feira, 29 de julho de 2013

Agricultores de Ibaretama e + 20, receberão 1ª parcela do Garantia Safra em agosto

Ibaretama, sertão central cearense, administrado pela socióloga Elíria Maria Freitas de Queiroz, ao contrário de outros municípios do sertão central e demais regiões, prioriza o agricultor.

Agricultores de 21 municípios cearenses (dentre eles Ibaretama) que aderiram ao Garantia Safra receberão a partir de agosto R$ 140 referentes a primeira parcela do benefício

Em agosto os 41.370 agricultores de 21 municípios cearenses (dentre eles Ibaretama) que contribuíram com o Garantia Safra começam a receber a primeira parcela do projeto, que é de R$ 140.

Os 21 municípios (dentre eles Ibaretama) que vão receber o garantia Safra são: Apuiarés, Ararendá, Arneiroz, Barbalha, General Sampaio, Iracema, Irauçuba, Missão Velha, Quixeré, São Luís do Curú, Tamboril, Umirim, Aracoiaba, Ibaretama, Icó, Milhã, Mombaça, Senador Pompeu, Umari, Viçosa do Ceará e Brejo Santo.

O benefício Garantia Safra foi criado pelo Governo Federal com o objetivo de assegurar aos agricultores familiares, no caso de ocorrência de perdas iguais ou superiores a 50% da produção, por causa da seca ou excesso de chuvas, uma renda mínima, que nesta safra é de R$ 760 divididos mensalmente em 5 parcelas. A primeira é de R$ 140 e as demais de R$155.  Já para o Garantia Safra 2013/2014 o valor do benefício será de R$ 850.

Os recursos do Garantia Safra são oriundos do governo federal, do estado, do município e do agricultor familiar. A contribuição do agricultor é de R$ 9, a do município é de R$ 28 por agricultor, já a do estado é R$ 40 por agricultor e a do governo federal é de R$ 190 por agricultor.

O agricultor que ainda não aderiu ao benefício e que deseja ingressar no Garantia Safra, é necessário procurar a prefeitura do seu município, apresentar os seguintes documentos: CPF, RG e comprovante de endereço, preencher os formulários de DAP (Declaração de aptidão ao Pronaf) e pagar a sua contribuição na Caixa Econômica Federal (CEF), nas casas lotéricas ou postos credenciados da CEF.


Assessoria de Comunicação da Secretaria do Desenvolvimento Agrário, informação via http://www.sda.ce.gov.br com adaptações de Georzito Ferreira Inácio;